Split 4 ways to Grind

by Cachorro da Duença

/
  • Streaming + Download

     

1.
2.
3.
4.
01:06
5.
6.

about

Cachorro da Duença - Split 4 ways to Grind with Baga, Nosso Ódio Irá Atacar, Plague Rages

Gravado e mixado por Henrique Aragão no Lá em Casa Estúdio www.facebook.com/laemcasaestudio

Capa por: Douglas Correia
www.facebook.com/douglas.correia.37

credits

released January 11, 2017

tags

license

all rights reserved

about

Cachorro da Duença Caruaru, Brazil

A banda foi formada em 2012 na cidade de Caruaru, Pernambuco, com o intuito de mostrar a indignação do dia dia através da música extrema e letras que abordam política, religião, autogestão e a liberdade do ser humano.

contact / help

Contact Cachorro da Duença

Streaming and
Download help

Track Name: Sangue de Cristo tem Pudor
Quem te ensinou a ter medo do escuro?
Quem te falou para não cruzar esse muro?
Espalhando o racismo
Homofobia
Preconceito
Misoginia

Quem te falou que existe inferno?
Que o teu sofrimento será eterno?
Espalhando o ódio
Segregação
Discurso idiota
Essa é sua religião
Track Name: Degradação Humana
Corpos espalhados pelo chão
Seu sangue não vale mais nada
Violência, degradação e morte
Não escolhe sexo nem idade
Todas as cartas foram lançadas
Não há futuro, não há perdão
Homens a procura de vingança
E assim se vive nesse mundo cão

Degradação humana
Desespero, dor, desesperança.
Track Name: Genocídio Animal
Não!
Não ele não é seu nem de ninguém
O sangue que nele corre há em você também

Genocídio Animal

Financiado por você
Ao seu bem prazer morte brutal

Seu corpo violado
Sua vida retirada
Morte banalizada
No genocídio animal
Track Name: Resistência
Castrando os corpos vetando os espaços aos que se recusam
A ser regra intimidando o diferente se impondo a cultura reacionária

Contra cultura, revolução
Combater a reação, propagar libertação

Castrando os corpos vetando os espaços aos que se recusam
A ser regra intimidando o diferente se impondo a cultura reacionária
Track Name: A História que não deve ser Esquecida
O medo fundamento o seu poder
A morte acompanhou a sua história

Segredos da dominação
Da sangrenta igreja católica